De artesaoocioso a 26 de Janeiro de 2008 às 11:25
Bom dia

Assim de momento, ocorre-me que poderá haver outra diferença .
Há mais corrupção e corruptos, activos e passivos.
O ramo prospera e o Novo Código Penal facilita a vidinha.
Este país com o clima que tem e outros indígenas até nem seria mau.
Bom fim-de-semana
De jogo da sueca a 28 de Janeiro de 2008 às 23:37
Não há países perfeitos.

Nem mesmo a Suécia é perfeita.

Em relação às suas acusações... Haverá mesmo mais corruptos? Será que o problema não é que os que existem hoje em dia são os que sempre existiram?

Para mim o problema está precisamente aí. Nós, portugueses, somos peritos a descobrir os problemas e a discuti-los. Mas somos terríveis no que toca a resolvê-los. A discussão do aeroporto da Ota era um tópico já lançado há várias décadas. A reforma na educação foi a bandeira de Guterres quando foi eleito para primeiro ministro. O estado da saúde e dos tribunais é um tema de há muito debatido. Os incêndios florestais estão aí todos os anos. Até no futebol temos os casos na arbitragem. E eu, desde que me lembro de ver noticiários, lembro-me de ver sempre os mesmos problemas, as mesmas discussões, os mesmos argumentos... mas... e soluções tomadas?

Problemas todos os países têm. O que os distingue é se são capazes de criar soluções...
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres