10 comentários:
De TM a 28 de Abril de 2008 às 21:16
Este post soa tão familiar... lembra-me a alegria no meu irmão que assim que saiu do supermercado em Londres avisou toda a familia que tinha comprado Nestum.....

De jogo da sueca a 29 de Abril de 2008 às 22:49
hehehe...

... quem passa por elas é que sabe ;)
De Lara Maria a 28 de Abril de 2008 às 00:52
Pedro, adorei seu blog, com sua experiências e as piadinhas.
Sou do Brasil e pelo o que citou, a diferença de meu país para o seu não é muito não se comparados com a Suécia.
Aliás, diria que o Brasil é totalmente o contrário. O vandalismo aqui é grande - muitas vezes serve de motivo de grande raiva para a população, além do que o carnaval é sagrado aqui, seja no Rio com os desfiles das escolas de samba até nas cidades pequenas, onde existem os bailes e concursos de fantasias.

Gostei desta páginas, vou procurar sempre visitá-la.

De jogo da sueca a 29 de Abril de 2008 às 22:48
Olá Lara! Obrigado pela mensagem! :)

Não é ao acaso que há quem diga que Portugal é o Brasil da Europa :) São mesmo demasiadas semelhanças, para o bom e para o mau!

Volta sempre!
De Romeu a 27 de Abril de 2008 às 13:13
Boas,

queria somente te dar os parabens pelo teu blog. As piadas sao muito boas e so' me fazem lembrar qd vivi na Dinamarca e passei por situacoes mto semelhantes, pelo menos as que tu descreves no "... vandalismo...". o sair de bares sem pagar (por esquecimento, mas acabava por voltar e pagar) sem que ninguem te dissesse nada, as fnac's la' da zona com os dvds e cd's 'a venda no passeio sem que ninguem os guardasse, os carros de janela aberta e .....

Parabens.

Romeu

PS: Agora a viver na Polonia, a situacao e' bem diferente ;)
De jogo da sueca a 27 de Abril de 2008 às 21:58
Olá Romeu! Obrigado pelo comentário :)

Já estive pela Polónia e no aspecto do civismo é bastante mais próximo de Portugal do que dos países nórdicos (apesar de estar perto deles...)

Cumprimentos!
De alex a 26 de Abril de 2008 às 11:50
Ei, sou o primeiro a jogar!
Não posso jogar trunfo nesta, n é</a>
E o trunfo é o k ? Ah, bolas e quadrados, já n ão sei jogar à sueca.
Então tomar conta de asnos ocupa mais tempo que trabalhar na Suécia? Porque é que n ão fico admirado? Mesmo sem o espírito emigrante compreendo perfeitamente, eu tb n o tenho) tenho a certeza que em breve o teu jogo irá mudar para melhor. Cheira-me que os trunfos estão todos desse lado. E agora já conheces a Prof e tudo...
Mas o jogo, enfim, que distraído eu sou: Agora estou mais divertido entre uma diferença que vim a notar no teu blog entre mim e os...restantes tugas , a comida! Foste tu que me fizeste reparar mais nisso, acabando aqui nos super e já desde a discrição detalhadíssima do farnel que a família te levou. Confesso, fiquei a olhar para a imagem do capri-sone uns 5 minutos à procura do segredo. A ver se atingia. "Mmmm, é sumo de laranja, até ai já percebi". Não vale a pena. É como o fado, faltam-me pelo menos uns dois genes de tuga , mesmo portuga . No caso da alimentação tb n sou Sueco , pela amostra que tu nos foste dando, mas fico pasmado com a tua dedicação às coisas do estômago .
Por falar em fado e baralhando outra vez, Lisa Ekdahl , tropeçaste no nome quando lá tiveste?
Eu tenho uma historia meio engraçadinha sobre como conheci o seu trabalho mas...és tu a jogar.
Um abraço.
De jogo da sueca a 26 de Abril de 2008 às 20:53
Olá Alex!

Tomar conta de burros toma muito tempo mas eu só lá estive uma semana hehehe

A do cappri-sonne é simples, mas é normal que nem toda a gente entenda. O que se passa é que este foi um sumo mítico da minha infância. Nem sei bem porquê. Talvez pela embalagem alternativa. O que é certo é que hoje em dia não costumo ver tanto à venda em Portugal como via antigamente. E por isso quando vi à venda na Suécia delirei :)

Lisa Ekdahl.... Ora bem, eu pessoalmente gosto mesmo muito da artista. O curioso é que já tinha tropeçado por ela ainda em Portugal. Mas nunca soube que era sueca até ter ido para lá.

Depois por lá ouvi as músicas em sueco dela e.... é para esquecer!!

Cumprimentos, espero ver-te por aqui mais vezes!
De fröken a 9 de Maio de 2008 às 00:48
ah, meu caro Pedrito de Portugal, então somos os dois da geracão do Capri-Sonne!
Eu também senti uma certa nostalgia quando em 2006 vi o Capri-Sonne no Willys. Foi um momento histórico, ainda me lembro como se fosse hoje.
De jogo da sueca a 9 de Maio de 2008 às 21:27
hehehe! e viva o Willy's de Mölnsdalsvägen!! :)

olha estou à espera das respostas da lição de sueco (a das abreviaturas). agora estou curioso pelas respostas!!

mandar uma cartada